Single Cloud Template – Classy
5 (100%) 3 votes

Vegetais Verdes Escuros – Quais São e Benefícios

Post date:

Author:

Category:




Vegetais Verdes Escuros – Quais São e Benefícios

5 (100%) 1 vote


Vegetais verdes escuros

Os vegetais verdes escuros são excelentes fontes de vitaminas, minerais e fibras que oferecem enormes benefícios para a saúde. Neste item, você verá quais são e uma vez que cada um deles irá beneficiar a sua saúde para inseri-los de vez em sua rotina diária.

Os vegetais verdes escuros são boas
fontes de várias vitaminas: A, C, K, folato, e minerais uma vez que ferro e cálcio.
Ou por outra, são ótimas fontes de fibras.

Por isso, várias pesquisas sugerem que os nutrientes encontrados nestes provisões podem inclusive prevenir certos tipos de cancro, promover a saúde do coração, e em alguns casos, de tratado com a USDA – United States Department of Agriculture (Departamento de Lavoura dos Estados Unidos). Se você manducar regularmente esses vegetais, poderá reduzir o risco de certas doenças crônicas.

Aproveite para saber algumas receitas com brócolis light para dar uma variada na dieta, algumas receitas com vagem para emagrecer e outras receitas de couve refogada light, que são alguns exemplos desses vegetais.

Não há dúvidas que os vegetais verdes escuros aportam vários benefícios para a saúde; por isso, saiba mais sobre eles agora.

Benefícios dos vegetais verdes escuros

Os vegetais verdes escuros proporcionam uma opulência de vitaminas, fitonutrientes e minerais, e por isso estão entre os mais nutritivos e populares, sendo ótimos para a saúde. Veja agora seus principais benefícios:

1. Vitamina K

A vitamina K é uma vitamina solúvel em gordura e um nutriente importante que está presente em muitos desses vegetais.

Somente uma xícara da maioria desses provisões cozidos fornece pelo menos nove vezes a ingestão diária mínima recomendada desta vitamina, enquanto que duas xícaras cruas fornecem a ingestão mínima recomendada.

Pesquisas forneceram evidências de que a vitamina K pode ser ainda mais importante do que se pensava e muitas pessoas ainda não consomem a quantidade suficiente.

A vitamina K ajuda a:

  1. Proteger os ossos da osteoporose;
  2. Pode ajudar a prevenir a diabetes;
  3. Pode ser um regulador importante da inflamação, podendo ajudar a proteger as pessoas de doenças inflamatórias, incluindo artrite;
  4. Regular a coagulação do sangue;
  5. Previne contra várias doenças;
  6. Possivelmente reduzir ou prevenir a aterosclerose ao reduzir a quantidade de cálcio presente nas placas arteriais.

2. Calorias

A menos que você faça esses vegetais com queijo, manteiga, muito óleo ou outros ingredientes calóricos, é muito provável que eles sejam os provisões menos calóricos do seu prato.

Por exemplo, uma xícara enxurro de espinafre fornece somente 7 calorias, de couve fornece 33 calorias e de brócolis, pouco mais de 30 calorias.

Se você está tentando emagrecer ou manter um peso saudável, os vegetais verdes escuros permitem que você coma mais e emagreça.

3. Micronutrientes

Esses vegetais são fontes ricas de minerais, incluindo cálcio, magnésio, ferro e potássio, além de fornecerem vitaminas importantes, uma vez que a já citada supra vitamina K, além da C, da E e muitas do multíplice B.

As suas variedades também apresentam fitonutrientes, incluindo luteína, betacaroteno e zeaxantina, que protegem as células de danos, os olhos de problemas relacionados à idade entre muitas outras coisas.



4. Macronutrientes

Não é somente a pouca quantidade de calorias presente nesses vegetais que importa, já que o importante é de onde elas vêm. No caso desses vegetais, eles fornecem carboidratos complexos, proteínas, fibras e muito pouca (quando há) gordura.

Uma xícara de espinafre fornece pouco mais de 1 grama de carboidrato, principalmente de fibras, além de 1 grama de proteína.

Já uma xícara de brócolis fornece muro de 6 gramas de carboidratos, 2,5 gramas de proteína e 2,4 gramas de ligamento.

Esse estabilidade de macronutrientes, em peculiar proteínas e fibras, proporciona a sensação de saciedade a longo prazo em confrontação com os vegetais que são ricos em amidos, entre outros provisões.

As pessoas que seguem uma dieta low carb (pobre em carboidratos) descobrirão que os vegetais verdes escuros são particularmente benéficos pois contêm muito pouco carboidrato, e os que contêm, estão embalados em camadas de fibras, proporcionando uma digestão muito mais lenta.

Outro ponto importante é que eles têm um grave impacto na glicemia, e em algumas dietas low carb, são tratados uma vez que um “brinde”, o que significa que não precisam ser contabilizados.

5. Ajuda a prevenir doenças

Estudos demonstram que aumentar a ingestão de vegetais verdes escuros fornece muitos benefícios em relação à prevenção de certas doenças.

Um estudo publicado na revista acadêmica Neurology descobriu que uma dieta que contém uma porção desses provisões por dia está associada a um declínio cognitivo mais lento relacionado à idade.

Uma grande meta-análise mostrou que o consumo de vegetais verdes escuros, incluindo vegetais crucíferos, reduz significativamente a incidência de doenças cardiovasculares.

Outro estudo mostrou que aumentar a ingestão desses vegetais pode melhorar a eficiência dos suplementos de ômega-3, embora os pesquisadores tenham reconhecido que são necessárias mais pesquisas para confirmar esses benefícios para a saúde.

Quais são os vegetais verdes escuros e os benefícios de cada grupo

Saiba agora quais são os vegetais verdes escuros para poder incluí-los em sua dieta e assim aproveitar todos os seus benefícios para a saúde.

– Leguminosas verdes escuras

Vagem e soja fazem segmento da família das leguminosas e são provisões ricos em antioxidantes e proteínas.

A vagem, por exemplo, é uma óptimo manadeira de carotenoides, podendo ser comparada a vegetais coloridos uma vez que tomate e cenoura, e ainda oferece o duplo de ferro que o espinafre.

Uma vez que selecção, a soja é uma proteína completa, o que significa que contém os nove aminoácidos essenciais, e comê-la regularmente pode ajudar a reduzir o colesterol, melhorar a saúde do coração e prevenir o cancro devido à presença das isoflavonas.

– Vegetais crucíferos verdejante sescuros

Os vegetais verdes escuros crucíferos, que levam esse nome devido ao formato das folhas que se assemelham a uma cruz, incluem couve, brócolis, rúcula e nabo.

Por exemplo, tanto as flores macias
quanto os caules crocantes do brócolis são uma manadeira rica de vitaminas A, C e
K, folato e fibras.

De tratado com especialistas, esses vegetais são ricos em glucosinolatos que podem ajudar a prevenir o cancro de próstata, mas mais pesquisas são necessárias.

– Vegetais de folhas verdes escuras

Os vegetais de folhas verdes escuras podem ajudar a prevenir certos tipos de cancro e promover a saúde do coração, de tratado com o Center for Young Women’s Health (Meio para Saúde de Mulheres Jovens dos Estados Unidos).

Esses vegetais são ricos em vitaminas lipossolúveis uma vez que a A, E, D e K e requerem a ingestão de gordura para que haja uma sucção adequada, uma vez que por exemplo o óleo de oliva extra-virgem.

Vegetais de folhas escuras incluem
agrião, rúcula, couve de Bruxelas, acelga, folha de beterraba, folha de
brócolis, almeirão, couve, chicória, mostarda, espinafre e escarola.

Além de todos esses benefícios, o espinafre, em privado, é uma óptimo manadeira de ferro.

Uma vez que você pode ver, os vegetais verdes escuros apresentam vários benefícios para a saúde, além de serem facilmente encontrados e a grande maioria estarem normalmente no mercado a um preço bastante conseguível.

Agora que você já sabe quais são, é hora de incluí-los ainda mais em sua dieta. Aproveite-os!

Você já consome muitos vegetais verdes escuros? Pretende manter ou incluir ainda mais na sua dieta? Comente inferior!

Note: There is a rating embedded within this post, please visit this post to rate it.




STAY CONNECTED

17,349FansLike
0FollowersFollow
1,785FollowersFollow
14,000SubscribersSubscribe

INSTAGRAM

Sabia que é verosímil se afogar mesmo sem estar dentro da chuva?

É verosímil se afogar mesmo sem estar dentro da chuva, uma requisito chamada de afogamento secundário ou afogamento sedento.

Remédio para Candidíase – 13 Mais Usados

Confira o que fazer quando se tem candidíase e quais são as opções de remédio para candidíase que podem ajudar no tratamento da requisito. A...

Fasciíte necrosante: o que é, sintomas e tratamento

A fasciíte necrosante é uma infecção bacteriana grave e rara em que há inflamação e morte do tecido que encontra-se em reles da pele...